Sinopse

Corpografia na Cena é uma obra de provocação e ocupação que dialoga com o cinema, o teatro, a dança, a música e as artes visuais para falar sobre/com corpos/corpas plurais e híbridos, perseguidos e discriminados. Construída a partir de uma perspectiva decolonial do corpo negro, transgênero e da pessoa com deficiência, em estudos e experiências personificadas na opressão da sociedade e suas estruturas urbanas a esses corpos. Trazendo para a cena experimental o questionamento de estruturas predeterminadas que precisam ser rompidas e ressignificadas. Em uma proposta cênico-visual não convencional, simbólica, imagética, enfatizando um atravessamento pulsante de múltiplos diálogos culturais.

Redes Sociais da Obra:
Facebook: @corpografianacena
Instagram: @corpografianacena

Currículo

AJEFF GHENES, nascide em 25/08/1999, Multiartista, Drag-Queen/Performer, uma Corpa Cafusa, Periférica, Travesti Não-Binária, natural de Veranópolis/RS. 

Graduande em MODA na Universidade FEEVALE pelo ProUni. Na sua trajetória e descoberta pelas artes começou a indagar questões relacionadas a sua identidade de gênero e sexualidade.

Em 2018 vem a participar do  Coletivo GET – Grupo de Estudos Teatrais, onde o espetáculo “Teima Filho, Teima que  Dá”, traz à superfície provocações sobre potentes discussões sociais, que somadas a  sua participação no 1º Laboratório Aberto de Atuação da Terreira da Tribo e, depois, ao  integrar a Oficina de Teatro como Instrumento de Discussão Social da Tribo de  Atuadores Ói Nóis Aqui Traveiz, fazem com que possa descobrir-se sujeite ative de sua  própria história, ocupando espaços e ampliando vozes; reverberando sua existência nas  suas criações e experimentos cênicos.

Com o GET participou de diversos Festivais de  Teatro no estado do RS, no ano de 2019, onde teve seu trabalho reconhecido com 03  prêmios de melhor ator coadjuvante e 01 indicação de melhor ator, assim como,  indicações e premiações como figurinista e caracterizadore cênico. Em 2020, dentro da  Cia Teatral Tem Gente no Palco, grupo de teatro independente de Veranópolis/RS, onde  trabalha como atroz, figurinista, maquiadore e professore de teatro para grupos infantil  e juvenil, tendo atuado em 15 espetáculos na cia. até o momento, inicia uma sucessão  de projetos-experimentos trazendo a urgência (a partir da emergência) dessa sua Corpa  no Hoje.

Seu 1º experimento virtual é dentro do Projeto Satolepe, aprovado pelo  Conselho Estadual de Cultura, com a Performance “pANE no CIStema – Um Manifesto  Performativo”. Em seguida, coloca em suspenção a ideia utópica de que todos somos  iguais no 1º Projeto EmQuadros da 27ª Edição(1ªVirtual) do Porto Alegre Em Cena, com  a obra virtual “pER [FORMA] nC – sE: TRANSITaR MARGInal”. E para destrinchar  essas vivências não normativas é contemplade também no Fac-Dgital (Uma iniciativa  emergencial da Secretaria Estadual da Cultura do RS para os artistas) com o Projeto Performativo Audiovisual “Ubumpuru Transversal – Um Corpo Marginal” em 3 atos. Em  2021 desenvolveu trabalhos junto a ambos os grupos, como as vídeoperformances  “CORPAS FEMININAS NA RUPTURA DO CAOS – Uma Instalação Cênico Performática-Visual” e o projeto “CORPOGRAFIA NA CENA – Processo de Estudo,  Criação e Ocupação Artística” contemplado no Edital Criação e Formação Diversidade  das Culturas da SEDAC RS em parceria com a Fundação Marcopolo. Realiza trabalho  de estudos e descobertas dentro da Performance Cênica, Drag e da Cultura Ballroom  em espaços múltiplos, a fim de trazer questionamentos sócio-políticos e proposições  quanto às discussões sobre a resistência dessas Corpas diversas, negras, trans, latinas,  LGBTQIAP+ na cena performática em espaços de luta pela vida através da ARTE.

Ficha técnica

Ano: 2021
Duração: 17min

Realização de CIA TEM GENTE NO PALCO | Direção e Produção de IZABEL CRISTINA | Direção Audiovisual de JUS NINO, IZABEL CRISTINA | Direção de Fotografia de GIORDANO TOLDO | Desenho de Som de LUCAS NUNES | Montagem e Edição de FERNANDO BERETTA | Assessoria de Dramaturgia de VIKA SCHABBACH | Roteiro de CIA TEM GENTE NO PALCO (IZABEL CRISTINA, AJEFF GHENES, MÁRIO BRESSIANI, LUCAS NUNES) | Preparação de Elenco de JESSÉ DA CRUZ | Cenografia e Figurino de CRISTINA LENTZ | Performance de AJEFF GHENES, EULÁLIA FIGUEIREDO, JACKSON REIS | Audiodescrição de MIL PALAVRAS | Roteiro e narração de LETÍCIA SCHWARTZ | Consultoria de acessibilidade de ELIZABET DIAS DE SÁ | Edição de áudio de RODRIGO SACCO TEIXEIRA, GABRIEL BOHRER SCHMITT | Legendas de LAIS RAMOS | Identidade Visual de MÁRIO BRESSIANI | Assessoria de Imprensa, Marketing e Divulgação de FG COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL | Fotografia de ANDRÉA SELIGMAN | Projeção e Sonorização de ETS ENERGIA E SONORIZAÇÃO | Locação de Instrumentos de Sonorização de LIVE COMÉRCIO DE EQUIPAMENTOS DE ÁUDIO, ILUMINAÇÃO E INSTRUMENTOS MUSICAIS | Grupos Teatrais participantes: GRUPO TÁ ROLANDO ARTE (Rolante), CIA TEATRAL ACTO (Garibaldi), CIA ARTE IN CENA (Cotiporã)